Arquivo da categoria: Coisas de rir

Documentos ME enviado às escolas

ESTRUTURA DA CARREIRA DOCENTE DOS EDUCADORES DE INFÂNCIA E DOS PROFESSORES DOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO
PROPOSTA DE PRINCÍPIOS SOBRE TRANSIÇÃO ENTRE MODELOS
PRINCÍPIOS PARA A REVISÃO DO MODELO DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO
Príncipios da Revisão do Estatuto da Carreira Docente e da sua articulação com a avaliação de desempenho

Parece que estes documentos se encontravam protegidos para publicação. Não sei se o ME sabe, mas pela net existem programas freeware que retiram a proteção aos PDF’s em apenas alguns segundos.
Se não sabe fica agora a saber que a massa cinzenta da classe docente está bem acima do que pensam.
Portanto, para a próxima escusam de proteger os documentos.

Além do mais são documentos antigos que se conhecem desde o dia 2 de Dezembro, com excepção do segundo.

Lembro também do trabalho realizado por mim com o PDF do aviso de abertura para o concurso 2009/2013 de igual forma protegido.

Mas mais importante que fazer uma leitura destes documentos será:

  • prever as razões que poderão levar a um acordo do ME com sindicatos;
  • perceber o que existe para lá das palavras escritas nos documentos;
  • como Sócrates sairá de um acordo que terá uma avaliação como aquela que ele próprio disse que não existia.

Verei se tenho tempo de durante o fim-de-semana expôr aqui os meus pensamentos.

Como passar a gostar de reuniões!!!

Chegado por mail.

Os professores adaptam-se mesmo bem a qualquer situação.
 Mas se estiverem atentos esta estratégia também se pode aplicar às reuniões de empresas, repartições públicas, hospitais, etc. Basta mudar um ou outro termo técnico e já está. Aprendam meus caros e fazem um brilharete.

Colega:
Costumas dormir durante as reuniões?
Sentes um tédio imenso com toda a panóplia de reuniões a que te obrigam e que não servem para nada? 
Chegou o método eficaz para combater esses problemas!

O BINGO DAS REUNIÕES!
Imprime o quadro abaixo antes de começar a reunião, seminário, conferência, etc.
Sempre que ouvires a palavra ou expressão contida numa das casas, marca a mesma com um (X).
Quando completares uma linha, coluna ou diagonal, basta gritar ‘ BINGO’!!! 
 

Planificação
Alunos
Objectivos
Estudo
Disciplina

Reunião
Pais
Substituição
Educação
Estratégia

Apoio
Ministério
Educandos
Competências
Recuperação

Optimização
Avaliação
Curricular
Titulares
Recursos

Resultados
Paradigma
Projecto
Implementação
Integração
Testemunho de jogadores satisfeitos:
a.- ‘A reunião só tinha começado há 5 minutos quando ganhei!’;
b.- ‘A minha capacidade para ouvir melhorou imenso desde que comecei a jogar Bingo das Reuniões’;
c.- ‘A atmosfera da última reunião foi muito tensa porque 8 professores estavam à espera de preencher a 5ª casa’;
d.- ‘O director de turma ficou estupefacto ao ouvir oito pessoas gritar ‘BINGO’, pela 3ª vez numa hora’;
e.- ‘Agora, vou a todas as reuniões da minha escola, mesmo que não me convoquem’.

E NÃO É SÓ ISSO…

AINDA LEVAS INTEIRAMENTE GRÁTIS O GUIA ‘COMO IMPRESSIONAR NAS REUNIÕES QUE REQUEREM PARTICIPAÇÃO ACTIVA, QUANDO NINGUÉM VAI PRESTAR MUITA ATENÇÃO AO QUE DISSERES ‘

A tabela abaixo permite a composição de 10.827 frases: basta combinar, em sequência, uma frase da primeira coluna, com uma da segunda, da terceira e da quarta.
O resultado sempre será uma frase correcta, mas sem nenhum conteúdo .
Experimenta na próxima reunião. Ainda te vão propor para titular com direito a uma medalha da Ministra da Educação.
 

Coluna 1                                        Coluna 2                                     Coluna 3                                 Coluna 4
Caros colegas,         a execução deste projecto          obriga-nos à análise das nossas opções de desenvolvimento futuro.
 

Por outro lado,     a complexidade dos estudos efetuados  cumpre um papel essencial na formulação  das nossas metas educativas e administrativas.
 
Não podemos esquecer que    a actual estrutura da escola   auxilia a preparação e a estruturação    das atitudes e das decisões da direcção.
Do mesmo modo,   o novo modelo estrutural aqui preconizado    contribui para a correcta determinação   das novas proposições.
A prática mostra que    o desenvolvimento de formas distintas de actuação   assume importantes posições na definição    das opções básicas para o sucesso educativo.
Nunca é demais insistir que    a constante divulgação das informações    facilita a definição   do nosso sistema de formação de professores.
A experiência mostra que   a consolidação das estruturas   prejudica a percepção da importância   das condições apropriadas para uma pedagogia de sucesso.
É fundamental ressaltar que   a análise dos diversos resultados   oferece uma boa oportunidade de verificação   dos índices pretendidos.
 

O incentivo ao avanço tecnológico, assim como   o início do programa de formação de atitudes   acarreta um processo de reformulação   das formas de ação.
 

Assim mesmo,    a expansão de nossa actividade    exige precisão e definição   dos conceitos de participação geral

Incomodado, eu?

Por estas e por outras do género cairam Ministros da Educação.

Fico a aguardar o desenvolvimento de novos acontecimentos.

 

Dia 16 Setembro, cerca das 20:00

Cand. n/ xxxxxxxxx coloc. CN, no grupo xxx, horário completo, xxxxxx – Agrupamento de Escolas xxxxxxxx

Dia 17 Setembro, cerca das 04:00

Foi-lhe enviado um SMS, que não lhe era destinado. Pedimos desculpa pelo incomodo. DGRHE

incongruências

Solicito a ajuda de quem souber resposta para a seguinte dúvida.

  • Um professor de QZP não obteve colocação em Quadro de Agrupamento e vai concorrer a DACL.
  • Esse professor por força das circunstâncias também concorre a DCE.

Segundo a legislação e a nota informativa da DGRHE de 13 de Julho os candidatos da alínea b) e c) devem instruir o processo com uma declaração de Impossibilidade de o tratamento a prestar ser efectuado no concelho de colocação; bem como de uma declaração de Possibilidade de o tratamento a prestar ser efectuado no concelho para onde pretende concorrer; e apresenta na nota final o seguinte: 

 

os docentes dos Quadros de Zona Pedagógica que não obtiveram colocação em quadro de agrupamento de escolas ou escola não agrupada, na Declaração de Impossibilidade de o tratamento a prestar ser efectuado no concelho de colocação, devem ter por referência o concelho do agrupamento de escolas/escola não agrupada de afectação.

Questão:

Esse professor que vai a DACL e DCE está afecto no concelho para onde existe esse tratamento. Como soluciona a questão da declaração de impossibilidade de o tratamento a prestar ser efectuado no concelho de colocação se é incompatível com a outra declaração?