Rede escolar – Ponto de situação


O ministro da Educação e da Ciência, Nuno Crato, anunciou hoje que “serão encerradas de imediato” 266 escolas do 1º ciclo com menos de 21 alunos. Isabel Alçada tinha previsto o encerramento de mais de 400.

Já quanto à fusão de agrupamentos de escolas a orientação é a de parar. “Estão suspensas novas agregações, à excepção daquelas onde há acordo das escolas e das respectivas autarquias”

Já na segunda feira tinha percebido que a criação de novos mega-agrupamentos podia ter esta solução.

FÓNIX! Só espero que nunco crato não se deixe levar pelas teorias pedagógicas dos “afectos” que absorvem imensos recursos mas com duvidoso aproveitamento.

1 comentário a “Rede escolar – Ponto de situação”

  1. Creio que podes estar descansado, Arlindo. O único recurso que produz resultados de indiscutível relevância e aproveitamento, como se sabe, e que é um dogma para o Nuno Crato, ou não fosse ele um econometrista confesso (como o designou Santana Castilho), são os exames nacionais. O resto são migalhas…

Os comentários estão fechados.