A falta de tempo vai dar nisto


Governo sem solução para revisão curricular do ensino básico

A ministra da Educação, Isabel Alçada, admitiu que não tem ainda nenhuma solução que permita levar por diante a revisão curricular do ensino básico e que a resolução dessa questão depende agora dos partidos da oposição.

Eu até estaria disposto a dizer qual seria a solução para as alterações curriculares que Isabel Alçada propunha. A solução é bastante simples e podia ser feita sem grandes alaridos, mas só a digo depois do dia 25.

Anúncios