Existe algum feedback


…das reuniões realizadas até hoje entre o Ministério da Educação e os Directores e Chefes de Serviço de Administração Escolar?

Parece-me estranho tanto secretismo.

E ao que sei ainda nada está marcado para o Norte.

Anúncios

62 opiniões sobre “Existe algum feedback”

  1. O que querem saber?
    Por exemplo, os docentes na categoria de Professor que tinham, no 245, 4 anos em 23 de Junho, passam para o 272, directamente até 31 de Agosto. Confirmado em absoluto.
    Perguntem mais!

    1. Então, se é assim, não faz sentido aquela alínea a) referindo-se só a quem era titular com mais de 4 e menos de 5, bastava ao legislador ter escrito professor e professor titular… Fica por se perceber o que foi dito noutras reuniões que o professor, que tinha mais de 4 e menos de 5, só progredia quando completasse 6 anos no 245. Todos os presentes ouviram.

      1. Faz sentido no seguinte:
        Um tem de fazer a apreciação intercalar o outro não.
        E quem sabe se a contagem do tempo de serviço não fique diferente por um estar numa situação excepcional.

  2. Parece que já passaram pelo Alentejo mas ainda acontece isto.
    E no Algarve o mesmo acontece com a Analgarve
    Ou as explicações foram fracas, ou…

    Mas já que insistes. Aqui vai.
    Quem completa o tempo até 31 de Dezembro no 4º e 6º vai ter alguma lista nominativa até 31 de Dezembro de 2010?
    A portaria das vagas quando sai?

    1. Até 31/8/2010 passam se tiverem o tempo no índice. De 01 de Setembro a 31 de Dezembro com: i) aulas assistidas ii) formação contínua iii) vagas.
      A portaria das vagas não irá sair. Está no Ministério das Finanças desde Junho…
      Pergunta mais!

  3. alguém sabe se foi dito/esclarecido alguma coisa relativamente aos colegas que concluíram mestrado antes de 23 de junho de 2010? perdem mesmo o direito à bonificação prevista no artigo 54º? Desde já obrigada pela partilha de informação que, nos dias de hoje, é preciosíssima de tão escassa e rara que é! bem hajam!

      1. já receava essa resposta!! vamos acabar por NUNCA usufruir daquilo que o ECD SEMPRE previu, q foi distinguir, de algum modo, quem adquiria uma maior qualificação académica!!
        Lá se vai por água abaixo o argumento da “importância da formação contínua”!!
        de qq modo, e mais uma vez, mt obrigada pela informação!

      2. Mas talvez isto tenha uma solução a contento, ou seja, tem de ser revista esta situação caricata dos mestrados…

  4. As reuniões nas DRE parecem de organizações secretas. Mas o pior é que várias pessoas que estiveram presentes numa, dizem ter saído de lá mais confusos, será de propósito??

      1. Então, se é assim, não faz sentido aquela alínea a) referindo-se só a quem era titular com mais de 4 e menos de 5, bastava ao legislador ter escrito professor e professor titular… Fica por se perceber o que foi dito noutras reuniões que o professor, que tinha mais de 4 e menos de 5, só progredia quando completasse 6 anos no 245. Todos os presentes ouviram.

      2. Todos os presentes em Aveiro ouviram hoje muito claro: categoria de professor, 4 anos no índice 245, em 23 de Junho, muda para o 272. Categoria de professor, não professor titular.

      3. Sei que não está nas transitórias e sei que a “geral” requer duas avaliações, dois ciclos avaliativos, com condições, não podemos ir pela “geral”, parece-me.

      4. Não, tudo ficou esclarecido, hoje, em Aveiro. As duas avaliações são:
        1-mínimo Bom em 2009 e
        2- mínimo bom na apreciação intercalar.
        Ainda há dúvidas?

      5. Pois se a DGRHE disse isso em Aveiro , só me resta esperar ver por escrito. Já não confio nas palavras faladas. Quero ver por escrito com a assinatura de quem pode e manda.

      6. Já há algum tempo fiz um post em que não acreditava que estas orientações passassem a escrito pois iria criar na opinião pública uma ideia de despesismo e sempre pensei que as orientações surgissem mais ou menos desta forma.
        É para cumprir e sem muitos alarmismos, ok?

      1. Estou à espera das circulares da DGRHE acerca do 75 desde Agosto. Dão sempre informação que deve sair na semana seguinte.

  5. Ah, é verdade!!
    Em relação aos colegas que completam o tempo de serviço em Dezembro: em Janeiro, sobem ao escalão seguinte, ou não? e se subirem, vão ser remunerados pelo índice correspondente?
    Obrigada.

    1. Sim, vão subir. São pagos em Janeiro, pelo novo ìndice, dado que adquiriram o direito até 31 de Dezembro. Confirmado em absoluto.

      1. Até 31/8/2010 passam se tiverem o tempo no índice. De 01 de Setembro a 31 de Dezembro com: i) aulas assistidas ii) formação contínua iii) vagas.
        A portaria das vagas não irá sair. Está no Ministério das Finanças desde Junho…
        Pergunta mais!

  6. E quem está no índice 245 desde Junho de 2004? Descontando dois anos de congelamento faz em em Novembro de 2010 4 anos no 6º esalão. Quando mudo?
    Tenho 3 ou 4 respostas diferentes!

      1. Até 31/8/2010 passam se tiverem o tempo no índice. De 01 de Setembro a 31 de Dezembro com: i) aulas assistidas ii) formação contínua iii) vagas.
        A portaria das vagas não irá sair. Está no Ministério das Finanças desde Junho…

      2. As aulas assistidas deveriam ser entre 1/9 e 31/12?

        As vagas não saem? Que raio de mentirosos temos a governar-nos?
        Parece que só tenho 2 coisas a fazer:
        – greve amanhã
        – esperar sentada pela esperança de 0,1% de esperança:-(

      3. Sim, mas ainda há tempo, até 17/12, de haver 2 aulas assistidas, se for o caso.
        Quanto às vagas, podes esperar sentado…
        No entanto, com Muito Bom ou Exc. em 2009, não são precisas vagas.
        Compreendido?

  7. Acho que compreendi, sim.

    Em 2009 tive Bom, logo, só me restará ficar “sentada” à espera?

    Tens mesmo a certeza de que não há vagas? Não sei se podes dizer, mas onde obtiveste essa informação? O é um dedução?

    Obrigada

    1. Se desde Junho o Min. das Finanças tem a Portaria das vagas e ainda não autorizou a sua publicação está bom de ver…
      Em Aveiro, foi dito pela equipa do ME…

      1. Jones,

        Estou no índice 245 desde 1/09/2004. Agora, colocaram-me ao abrigo do artigo 8º, 1, alínea a) do 75/2010 (mais de 5 e menos de 6 em 23 de Junho). Pergunto: quando mudo de escalão? Mudei em 01 de Setembro passado ou tenho que esperar mais dois anos? Ajude-me por favor.

      2. Por exemplo, se sem congelamento mudasses em Março de 2011, se o congelamento que vier for antes desse mês e durar 10 anos, só mudarás lá para Março de 2021! Dá para entender?

  8. Aguardo ansiosamente essa circular da DGRHE a explicar o 75, pois era para ter mudado para o 4.º em Outubro e não me reposicionaram.

  9. Fogo Jones!!!
    anda cá que és meu! lol

    agora a sério.
    Sou contratada e ando às aranhas.

    1) que portaria das vagas é essa? é só para os quadros, certo?
    2) dizem que como isto está, as quotas/agrupamento são gerais, ou seja, há 20 MB para dar, por ex, e terão que ser distribuídos por todos os que se habilitaram, sejam quadros, sejam contratados.
    Isto confirma-se?
    3) Como serão geridas as quotas se for como em 2)?

Os comentários estão fechados.