Confirmam-se as Discriminações


Segundo o post que fiz aqui, confirmam-se as discriminações que vão haver entre Coordenadores e entre Relatores.

Uns poderão ser avaliados com Muito Bom e Excelente sem avaliação na Componente Científica enquanto outros terão de obrigatoriamente ter, no caso dos “zecos”, segundo o que foi mostrado pelo Óctavio.

Anúncios

21 opiniões sobre “Confirmam-se as Discriminações”

    1. E até há escolas onde dizem à boca cheia que “Muito Bom” só a mousse de chocolate da cantina… vá-se lá entender isto, Evaristo.

  1. Maior é o problema quando somos nomeados relatores, nós, que rejeitamos em absoluto este sistema de avaliação em transactos anos e até nele recusamos nele participar assumindo todas as consequências, (burocracia+burocracia, acompanhada de compadrio), somos simultâneamente SCAD, e por fim, quase como hobby, Professores.

    Não dá para continuar sem que deixemos de ser humanos. A loucura está instalada. Quando é que um director, prof. do 1º ciclo, que nunca deu aulas, senão no ano de estágio, onvencido, vaidoso e incompetente, vai ele tb avaliar qd no passado ano correu quase tudo a 7, independente da nota obtida na observação de aulas,, porque o trabalho desempenhado pelos profs, qualquer que tenha sido o seu esforço ou responsabilidade, é sua obrigação e não mais que isso. isto não dá mais…

  2. Há aqui alguma confusão. Só excepcionalmente haverá coordenadores abaixo do 4.º escalão (3.º escalão com especialização) e mesmo no 4.º escalão serão certamente muito poucos. Aliás o espírito da Lei releva a importância de nomeação dos mais experientes para os cargos. Portanto…

  3. Pelo que vejo em meu redor, nos grupos em que não há relator (todos abaixo do 4.º), avalia o coordenador. Quando o coordenador é de grupo disciplinar diferente, avalia, teoricamente, “só a parte pedagógica”.

    Há muita gente a concordar com a avaliação pelo coordenador, com suspeitas de que um eventual relator de fora possa ser da IGE. Mal por mal… o coordenador sempre acompanha o avaliando ao longo do ano.

    Claro que nem todos aceitam o coordenador, preferindo um relator do mesmo grupo, ainda que de fora. Para esses, ainda não veio a resposta.

  4. Como a minha faca é romba, vou mostrar uma excelente relação pedagógica com os meus alunos. Tão boa, tão boa, que nem vou reclamar se escrevem “Lissão” e “Somário” no quadro… Espero que o avaliador não dê importância… afinal a componente científica não está em jogo…
    😉

Os comentários estão fechados.