Recusar ser Avaliado


O Ricardo abordou as consequências da recusa da ADD.

Importante ler

Recusar ser Avaliado

Chamo também a atenção para as situações seguintes:

  • Independentemente de quando vier a ser descongelada a carreira e por conseguinte as progressões (ainda tenho alguma esperança no chumbo do OE2011) serão tidas em conta as duas últimas ADD para efeitos de progressão na carreira. Não vou repetir o que escrevi aqui.
  • Se existir concurso em 2013 (já não falo do que seria previsto acontecer em 2011) e caso não seja alterado o diploma de concursos a nota da ADD do ciclo 2009/2011 será a considerada para todos os professores dos quadros num concurso a abrir entre Janeiro e Março de 2013.
Anúncios

5 thoughts on “Recusar ser Avaliado”

  1. Dec Lei nº 20/2006 conjugado com o Dec lei nº 51/2009 de 27 de Fevereiro, artigo 14º, ponto 1, alíneas a), b) e c).

    A GRADUAÇÃO dentro de cada grupo de recrutamento nas escolas isoladas, nos agrupamentos actuais e nos futuros mega agrupamentos é calculada com base na soma dos seguintes valores:

    – na classificação profissional;

    – no tempo de serviço;

    – na última avaliação do desempenho (em que 1 Exc soma 2 valores e 1 M Bom 1 valor.

    Isso aplica-se na graduação interna no GR e consequentemente na escolha dos horários.

  2. Os critérios para a atribuição dos horários podem ser os que o Director bem entender.
    É essa uma das suas competências:
    Decreto Lei 75/2008
    artigo 13º
    2 – …
    c) Superintender na constituição de turmas e na elaboração de horários;
    d) Distribuir o serviço docente e não docente;

    1. Pois bem, meu caro. Permita-me que discorde. Ao ler isto até parece que estamos agora debaixo da pata de ditadores. Eles têm que distribuir o serviço mas nao têm o poder para “determinar critérios de distribuição” do serviço docente ou não docente. Percebido? Se têm, indique em que base legal se sustenta essa tirania? Ora, como este aspecto não vem referido em nenhum dos artigos que aponta, a graduação profissional dos professores continua a ter que ser considerada para suportar a decisão do director relativamente à atribuição de horários. Ponto final.

  3. Há muitas escolas onde o critério é entregá-los e deixar que as pessoas escolham, de acordo com a sua gradução… Por isso há quem nunca consiga dar Secundário e quem não largue o Secundário… 😦

Os comentários estão fechados.