O SEF Vai à Escola


Como faço a leitura do Orçamento de Estado?

Em primeiro lugar baixo os documentos. Depois com a função pesquisa procura o que me interessa, no meu caso coloco a palavra educação e faço a leitura do documento de forma rápida.

Descobri que existe uma coisa chamada “Cooperação Internacional e de Imigração e Polítca para Estrangeiros”, algo que me será muito útil pois recebi ontem um aluno de nacionalidade chinesa que não nunca ouviu falar da língua de camões.  Acabou por ser integrado numa turma minha porque já existe outro aluno da mesma origem que domina o Português. Este aluno tem praticamente o seu futuro garantido como tradutor, é ele também que está nas reuniões do Director de Turma com o Encarregado de Educação para traduzir o diálogo entre DT e EE.

Mas o que eu queria mesmo era que o “SEF fosse à escola” não para promover a regularização documental dos menores estrangeiros, mas sim para me ajudar na tarefa de tradução do Português para o Mandarim.

Ou será que é fácil fazer milagres?

Anúncios

2 comentários a “O SEF Vai à Escola”

  1. Nada transcendente… coloquem uma/um colega do 1ºciclo a trabalhar com o aluno chines e vão ver que os “milagres” acontecem 🙂

Os comentários estão fechados.